sábado, 2 de agosto de 2014

"NUVEM PASSAGEIRA"

Se a vida fosse o fado!
a guitarra companheira
duma nuvem passageira
caia a chuva no telhado.

No quarto a cama vazia,
soprava o vento na janela
por ande andava não sabia
triste esperava por ela.

Toda a noite não chegou,
no dia seguinte no horizonte
de manhã o sol despontou
nesse dia menos brilhante.

Lá no céu azul, parecia,
que algo o apoquentava
atrás das nuvens se escondia
por isso menos brilhava.

A fadista cantava,
o fado da Mouraria
 a viola de dor gemia
 a guitarra chorava.

 Chegou a alegria,
tocou a guitarra afinada
a tristeza já lá não andava
pelas ruas da Mouraria!
(Eduardo Maria Nunes)

5 comentários:

  1. Amigo Eduardo este é um tempo de contrariedades. A chuva e o frio nestes dias que muitos escolheram para tempo de descanso.
    As guerras que se incendeiam e as pessoas que se matam se razões .
    Alimenta-se o ódio, a vingança e a morte.

    ResponderEliminar
  2. Cada vez está mais difícil deixar aqui um comentário.
    Quando queremos confirmar desaparecem as letras e os números.
    Já não é a primeira vez que tive de desistir.

    ResponderEliminar
  3. Também tenho tido as minhas dificuldades com os comentários, mas lá vou resolvendo sem grandes problemas. Quando não se tem a certeza dos caracteres, clica-se no bonequinho da esquerda (em baixo) e vão aparecendo novos números ou letras até que não haja dúvidas.
    Quanto ao fado só falta compor a música.

    ResponderEliminar
  4. OI EDUARDO!
    O TEXTO É LINDO E SE MUSICADO, NÃO DARIA UM BELO FADO?
    BOA NOITE AMIGO.
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  5. Olá Eduardo! Passando para te cumprimentar e apreciar mais uma das tuas belas criações, com ênfase para a estrofe abaixo:

    Chegou a alegria,
    tocou a guitarra afinada
    a tristeza já lá não andava
    pelas ruas da Mouraria!

    Pelo menos um final feliz. Rsrs.

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010