quarta-feira, 4 de março de 2015

"DURANTE A COZEDURA"

Para a massa bem levedar!
com sal e fermento se mistura
para mais rápido a fazer levantar
o forno na máxima temperatura
só quando finta deve entrar!

Se o fermento a não agita,
a amassa não vai não levantar
  quando o galo não arrebita a crista
não consegue a galinha galar.

O calor faz aumentar,
durante a cozedura
como o bem saber amar
com amor e ternura!
(Edumanes)

6 comentários:

  1. Grande trocadilho me arranjaste com o fermento e a crista do galo!
    Mas tens razão, é preciso alguma coisa que faça levantar a "massa", qualquer espécie de fermento e do bom.
    Gostei!

    ResponderEliminar
  2. Estás a arranjar fãs para os teus poemas, embora sejam malandros possivelmente chegarão longe, o sol começou a aquecer, já não vais precisar de fermento!
    Agora com as novas tecnologias, a massa levanta com aquecimento solar, ou com visitas à farmácia!
    Até o "Tintinaine", começou a gostar de poesia, sem ser do Bocage!

    Cá vai mais um abração.

    ResponderEliminar
  3. Grandes verdades, apesar dos trocadilhos hilários.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Boa Tarde Edu!

    Uma receita bem elaborada e bem real. Gostei bastante!
    Obrigada pelo parabéns ao Dia da Mulher.
    Tem postagem por lá. Quando puder passa la pra ler.
    Deixo um abraço!
    Ótima semana!

    ResponderEliminar
  5. Bem humorado o trocadilho que usou para falar de verdades presentes. Maravilha!
    Abração.

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010