quarta-feira, 15 de outubro de 2014

"`À SOMBRA DA BANANEIRA"

 Pensei um bate-estradas escrever!
 mas não encontrei nenhuma palavra
   motivo pelo qual fiquei sem saber
 qual seria a resposta dada.

 Quem souber, que a diga então;
que é para eu a ficar sabendo
toda molhada rebolando no chão
 até parece que, ainda, a estou vendo.

Nos sonhos do pensamento,
não o bate-estradas, que pensei escrever
eram as folhas de papel voando no vento
 embrulhadas nas nuvens deixei de as ver.

Com o que tenho me contento,
porque outro remédio não tenho, eu
boas e menos boas recordações tenho
do que no passado me aconteceu!
(Eduardo Maria Nunes)

11 comentários:

  1. À sombra da bananeira a gente vive, sonha e imagina fatos que aconteceram ou pensamos acontecer e que nos deixam alegres ou melancólicos.
    Uma beleza de poema.
    Obrigado pelos poemas deixados por lá.
    Abração.

    ResponderEliminar
  2. À sombra da bananeira estão os políticos e aqueles que recebem o RIS!
    Os pagantes são levados pela tempestade, e o vento não gosta de senhoras com calças!-:))

    ABRAÇO

    ResponderEliminar
  3. é bom ficar à sombra de uma bananeira.rsrs
    bjs amigo Edu e obrigada pela visita.

    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  4. É muito bom ficar a sombra da bananeira, pena que aqui aonde moro não tenha nenhuma bananeira, Eduardo abraços.
    Blog /Fan Page / Twitter /

    ResponderEliminar
  5. Em tratando-se de amor, o que é memorizado é difícil de esquecer e é muito bem lembrado quando à sombra de uma bananeira. Belo poema Edu.

    Abraços e uma ótima quinta-feira para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderEliminar
  6. OI EDU!
    AMIGO, RECORDAR É VIVER.
    MUITO BONITOS TEUS VERSOS.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  7. As coisas que transportamos ou as que dobramos junto com uma simples fotografia.
    As recordações sobrepõem-se, mas quando têm motivos mostram-se tão recentes como há muitos anos atrás.

    ResponderEliminar
  8. Já não é nada mau ir vivendo com as recordações! mesmo não sendo a sombra da Bananeira!

    ResponderEliminar
  9. Excelente poema.
    Recordações é a melhor forma de voltar os momentos que foram bons.
    Abraços!

    ResponderEliminar
  10. Por mais que olhe não consigo reconhecer-te nesta foto.
    Aceitar viver com o que se tem é muito bom e só assim se consegue viver em paz.

    ResponderEliminar
  11. Obrigada, Edu!

    É sempre bom recordar - As coisas positivas, é claro! rs!

    Ótima quinta!

    Beijo! ^^

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010