sexta-feira, 6 de setembro de 2013

"DAS ESQUINAS POLUIDORA"

Foi eleito pelo povo
Para governar a nação
De todos o mais teimoso
Só aos pobres rouba o pão.

Com as Swaps, os contratos
E com a Tróika, são para cumprir
Marotos, aldrabões, velhacos
De noite e dia sempre a mentir.

Governa contra o cidadão
Do país que o elegeram
Saca-nos até ao último tostão
Para dar aos que nada fizeram.

Manda gente para o desemprego
Para o estrangeiro manda emigrar
De onde veio tamanho labrego
No poleiro continua de galo a cantar.

O mentiroso inventa a mentira
A mentira é inventada pelo mentiroso
Nunca vi em toda a minha vida
Tanta gente sem nada fazer ter tanto gozo.

Malvada política destruídora
Inimiga da democracia
Tanta gente das esquinas poluidora
No desemprego de barriga vazia!

O Coelho diz que a culpa é do Sócrates
O Sócrates diz que a culpa é do Coelho
Carregados de mentiras aos fartotes 
É dos governantes e não do escaravelho!

3 comentários:

  1. O Ano da Desgraça de 2013 está quase a terminar. Que nos arranjará o Coelho para 2014? Será ainda pior que este?

    ResponderEliminar
  2. Se este marmanjo não for corrido quanto antes, vai-nos pôr a pão e laranjas enquanto o diabo esfrega um olho.
    Um abraço
    Virgílio

    ResponderEliminar
  3. Quando um governo pondera cortar pensões de sobrevivência acima dos 300€, não é governo. É algoz. Mais do que isso gastam eles num fato. Espero que o povo lhe dê uma resposta à maneira nas urnas.
    Um abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010