quinta-feira, 4 de julho de 2013

"DOENÇA SÚBITA!"

Raposa agressiva
Com o rabo de fora
No buraco escondida
Sem juízo na carola
De tal forma atrevida
Uma martelada na tola
Precisa... puxão de orelhas
De mão estendida pede esmola
No campo, o  pastor das ovelhas
Um gabarola sem vergonha
Faz e diz o que bem quer
Com a sua arte e manha
No prato do outro mete a colher
Daí o desentendimento
Causado por uma mulher
Fez estremecer o parlamento
Diga lá o que quiser
Para isso tem liberdade
Por causa de uma qualquer
Não acaba a liberdade!..

3 comentários:

  1. Abriu-se a porta da caldeirada, o Paulinho meteu demasiado piri-piri e agora por muita água que metam na fervura, parece-me que a estragaram para sempre, nem os portugueses, nem a Troika a vão comer! Pode ser que o Boliqueime comece a fazer alguma coisa, a ver vamos, mas se fosse noutro país, já estavam a pagar o prejuízo que deram.
    O meu abraço

    ResponderEliminar
  2. Acabo de ler que os «mafarricos chegaram a acordo» mas que acordo? então os gajos quando juntaram os trapinhos há dois anos atrás foi sem acordo? e só agora repararam nisso, mas que grandes pândegos me saíram.
    Um abraço
    Virgílio

    ResponderEliminar
  3. Pra essa mulher fazer estremecer o parlamento ela deve ter algo a mais, Edumes passando pra desejar uma ótima quinta-feira, beijos.
    Lucimar Estrela da Manhã

    Divulgue seu blog no Facebook

    Fan Page

    Faço Afiliação com Blogs

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010