quinta-feira, 29 de novembro de 2012

"TUDO PARA NASCER TEM DE SER ENTERRADO?"

Numa aldeia do Alentejo
quando o padre a missa celebrava
 na igreja da dita aldeia, ao domingo
todos os fieis com atenção a escutava
depois de ter a missa celebrado
 o padre, aos fieis esclareceu o seguinte
caros irmãos e irmãs, sabeis que
o trigo, o milho, e o feijão para nascerem
têm as sementes que na terra serem enterradas
se assim não for, não há trigo, não há milho nem feijão
 por momentos, os fieis as palavras do padre silenciou 
 um jovem que à missa assistiu, causaram confusão
 interrompeu o silêncio,  e ao padre perguntou
com a sua pronuncia bem alentejana 
depois de atentamente o ter ouvido
atã senhori prior alguma cousa 
tiveram que enterrar na magana
para a gente nascer!

5 comentários:

  1. Txiiiiiiiiiiiiiiii
    O jovem era espertinho.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  2. Chama-lhe parvo!
    E o padre aprendeu a lição, para a próxima vai com mais cuidado com a conversa.

    ResponderEliminar
  3. Hahaha, esse se não é Joãozinho, andou na mesma escola.
    O meu abraço
    amigo Eduardo

    ResponderEliminar
  4. Nós é que andamos a ser enterrados vivos, desde a pneumónica que ninguém se atrevia a enterrar seres Humanos que ainda respirassem, veio agora o tal de Passos fazer o servicinho.
    Um abraço
    Virgilio

    ResponderEliminar
  5. É uma verdade, mesmo que não queremos isso, mas o que nasce tem que ser enterrado um dia, texto maravilhoso, Edumes lá no blog tem post novo se você quiser dá uma passadinha lá é só clicar no link abaixo, fique com Deus beijos.
    http://www.lucimarvirtual.blogspot.com.br/2012/11/crack-pedra-da-morte.html

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010