quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

LINDO, LINDO!

Ah brasileiros d'um raio! Desculpem-me a raiva , mas acho que escapam mesmo muito poucos, chiça!

O novo acordo não o provia....mas com a língua de Camões, não se brinca. Com a palavra, os professores de língua portuguesa: António Oirmes Ferrari, Maria Helena  e Rita Pascale. Presidente? Vale a pena ler pela aula de português.
Queridos Amigos,
Tenho notado, assim como aqueles mais atentos tambám devem tê-lo feito, que a candidata Dilma Roussef e seus sequazes, pretendem que ela venha a ser a primeira presidenta  do Brsil, tal como atesta a propaganda política  veiculada pelo PT na media.
Presidenta? Mas, afinal, que palavra é essa totalmente inexistente em nossa língua? Bem, veja:
No português existem os particípios activos como derivativos verbais. Por exemplo: o particípio activo do verbo atacar é atacante, de pedir é pedinte, o de nantar é cantante, o de existir é existente, o de mendigar é mendicante.
Qual é o particípio activo do verbo ser? O particípio activo do verbo ser é ente. Aquele que é: o ente. Aquele que tem entidade.
Assim, quando queremos designar alguém com capacidade para exercer a acção que expressa um verbo, há que se adicionar  à raiz verbal os sufixos ante,ente ou inte.
Portanto, à pessoa que preside  é PRESIDENTE, e não "presidenta", independentementedo sexo que tenha. Se dia capela ardente, e não capela "ardenta"; se diz estudante, e não "estudanta"; se diz adolescente, e não "adolescenta": se diz paciente, e não "pacienta". Um bom exemplo seria:
"A candidata a presidenta se comparta como uma adolescenta pouco pacienta que imagina ter virado elegenta  para tentar ser nomeada representanta.
Esperamos vê-la algum dia sorridenta numa capela ardenta, pois esta dirigenta política, dentre tantas outras suas atitudes barbarizantas, não tem o direito de violentar o pobre português, só para ficar contenta.

Quando é que será que vão deixar, em paz a língua de Camões?

5 comentários:

  1. Já não bastava terem cá colocado a circular a moeda Euro que me tem dado cabo dos miolos, agora temos mais esta do tal acordo, que mais nos irá acontecer?
    Um abraço
    Virgílio

    ResponderEliminar
  2. O comentário do Virgilio fez-me rir... Provávelmente o que irá acontecer a seguir, é a língua portuguesa daqui a uns anos sêr extinta por causa da população estar a envelhecer, e os portugueses que cá ficarem irão ter de aprender... UCRANIANO!
    Valdemar Alves

    ResponderEliminar
  3. Nem mais... e quem fala assim não é gago.
    Cordiais.

    ResponderEliminar
  4. Seguramente que os brasileiros são aqueles que ainda vão exigindo que os percebam naquela sua lingua, que não será bem o português que desejaríamos. Mas o que mais me incomoda é ver qualquer trinca espinhas aqui do curro logo que tem uma oportunidade querer falar a lingua estranja para querer mostrar que é culto.
    Nisso de entre outros 3 homens merecem enorme distinção e a minha homenagem: Sarmago quando recebeu o Nóbel e Mourinho o de Melhor Treinador do Mundo.
    Lula quando respondeu ao todo poderoso Patrão da TV Globo se Clinton tinha aprenedido a falar português quando os americanos exploravam os brasileiros à muitas centenas de anos.

    ResponderEliminar
  5. Boa! Valdemar, não são os estrangeiros que "desprezam" a língua portuguesa, mas sim os própios portuguseses. Todos os portuguseses estejam onde estiverem, devariam sempre falar a sua língua, principalmente junto de outras pessoas que também a entendam. Todavia muitos deles não o fazem. Tive ocasião de verificar isso quando me desloquei a casa de minha irmã, que reside, em França,
    Ouvi, entre, portugueses falarem francês e não português.
    Que eles falem com os franceses em francês tudo bem.
    Talvez tenha sido para eu ficar a saber que eles já sabiam falar francês?
    Em França não é como, aqui, em Portugal. Qualquer estrangeiro que nos visita, não falando português, também não tem qualquer dificuldade, em ser informado por quem fala a sua língua, o que já não acontece com os portugueses que se deslocam a outros países.
    Se não falam a língua deles vão aprendê-la.
    Eu e o meu cunhado, francês quando estamos juntos, falamos atentejano e toda a gente percebe!

    ResponderEliminar

CANCIONEIRO DO NIASSA

IMAGENS DO NOSSO CONVÍVIO, EM 08/10/2011.

IMAGENS DO CONVÍVIO REALIZADO DIA 9 DE OUTUBRO DE 2010